sábado, 19 de setembro de 2009

Definir ou não os lugares dos convidados?

Você tem duas opções para sua recepção

- Opção 1: Deixar que os convidados sentem à mesa que quiserem-
- Opção 2: Definir a mesa onde deverão ficar

Definir os lugares não significa separar as pessoas que normalmente sentariam juntas. Os noivos vão pensar nos laços de família e amizade ao escolherem quem senta onde. A vantagem da segunda opção é justamente evitar problemas. Imagine que um casal de amigos tenha se perdido no caminho para a recepção. Eles chegam atrasados e as mesas não são marcadas. Correm para ficar com os amigos, mas as mesas deles estão lotadas. O único lugar que sobra é junto com os colegas de escritório do seu noivo, pessoas que eles nunca tinham visto antes.
Se não definir os lugares pode causar problemas como o dos amigos atrasados acima, apontar onde cada pessoa deve sentar pode causar cara feia. A prática, imprescindível nos Estados Unidos e Europa, ainda não está presente em muitos casamentos brasileiros. Sempre vai ter um convidado que não vai gostar de ser levado até sua mesa. Definitivamente não dá para agradar gregos e troianos.
Se vocês estão decididos a definir os lugares precisarão tomar algumas providências. A primeira delas é providenciar uma ou mais recepcionistas para informar aos convidados qual o número da mesa que devem se dirigir. As mesas, obviamente, precisarão estar numeradas. Estes números devem estar destacados para fácil identificação. Outra idéia bem bacana é dar nomes às mesas. Casais americanos fazem isso sempre. Eles batizam as mesas com nomes de cidades por onde passaram, músicas que gostam, filmes que viram juntos. A recepcionista irá dizer aos convidados: "O senhor e a senhora estão na mesa New York, ali à direita."

Um passo mais avançado é indicar, além da mesa, o lugar específico de cada pessoa à mesa. Quer fazer isso? Então providencie os place cards com o nome de cada convidado. Combine-os com a decoração ou com o tema da recepção. Eles podem repousar sobre o guardanapo ou serem presos a suportes.

fonte: http://wp.clicrbs.com.br/noiva/2008/11/18/definir-ou-nao-os-lugares-dos-convidados/

15 anos Fernanda











quarta-feira, 16 de setembro de 2009

10 erros mais comuns nos cabelos das noivas


1. Colorir o cabelo as vésperas da festa;
2. Exagerar nos acessórios e finalizadores;
3. Improvisar corte e penteado em cima da hora;
4. Usar apliques cafonas e desnecessários;
5. Escolher errado o tamanho do véu;
6. Deixar o penteado ofuscar o vestido;
7. Desmanchar o visual por algum acidente;
8. Abusar de tranças, coques, cachos e babyliss;
9. Esconder o look embaixo de um chapéu de abas largas;
10. Exibir mechas, luzes e reflexos malfeitos

fonte: mundodoscabelos.zip.net

domingo, 13 de setembro de 2009

Dicas de como se comportar em um casamento

Se o convite estiver endereçado ao Sr. e Sra., significa que somente o casal está sendo convidado. Trocando em miúdos, quer dizer que os noivos não esperam e/ou não estão preparados para receber as crianças na cerimônia. Isso não deve ser motivo para o convidado se sentir ofendido, ou pensar em não ir ao casamento, achando que seus filhos foram desprezados.

Quando os noivos convidam a todos, endereçam o convite ao Sr. fulano de tal e família. Neste caso, seja coerente. Só os filhos estão incluídos.

É imprescindível confirmar presença. E cumprir, de fato, o compromisso, salvo imprevistos efetivamente inevitáveis. Assim, você estará contribuindo para que a festa seja um sucesso, e, conseqüentemente, se sentirá muito bem recebido.

É muito elegante perguntar aos noivos se eles deixaram uma lista de presentes em lojas e pedir os endereços onde podem consultá-la. Ainda que o convidado prefira adquirir o presente em um outro local, é importante saber o que os noivos sugerem que gostariam de ganhar.

O momento mais importante de um casamento é a cerimônia religiosa, seja ela de qual segmento ou crença for. Não deixe de prestigiar, mesmo que não seja a sua mesma religião. Não há nada mais frustrante para os noivos do que ver a igreja vazia na hora do “sim” e encontrar todos os amigos na festa.

Lembre-se que a noiva é centro das atenções durante todo o evento, da igreja à recepção. Não use um vestido que chame mais atenção que a noiva.


fonte: http://bbdeditora.blogspot.com/search/label/Dicas%20da%20Assessora

Presentes para padrinhos



A tradição manda que você dê um presentinho especial para seus padrinhos e madrinhas. Normalmente são eles que agüentam a barra junto com os noivos enlouquecendo e ajudando com os preparativos. Achei em um site uma dica de presente para aqueles padrinhos festeiros, divertidos, engraçados, que adoram dar risada. São frames para fotos que podem tanto ser pendurados na parede como deixados sobre um móvel. O bacana deles é que trazem palavras soltas que refletem bem as diferenças na amizade de homens e mulheres. O presente do noivo para os padrinhos traz palavras como ressaca, velho amigo, leal, parceiro para furar festas, bons tempos, cerveja.



Já o presente da noiva para as madrinhas traz coisas bem mais inocentes: confiança, spa, risadas, chocolate, segredos, vinho.




O que dar? Isso vai variar conforme a formalidade do seu casamento, o estilo dos padrinhos e, é claro, o seu bolso. Entre as várias opções algumas das mais adotadas são: vinhos importados com rótulos personalizados, joias, medalhas religiosas de ouro, gravatas. Se a noiva quiser que todas as madrinhas usem o mesmo estilo de vestido e acessórios, pode presenteá-las com brincos para usarem no dia do casamento. Presentes criativos são sempre bem-vindos. Que tal um kit de beleza para as meninas cheio de produtos legais para se embelezar para o casório?
Em resumo, não há uma regra a ser seguida. Nem mesmo o ato de presentear os padrinhos é uma obrigação. Fazem os noivos que querem destacar e agradecer a presença deles de uma forma especial.